Alimente o amor

Alimente o amor

Quando um homem e uma mulher iniciam um namoro, o amor começa a ser gerado. Nesse período ele ainda é como um pequeno grupo de células se multiplicando, mas ainda sem forma definida. Com o passar do tempo e com o crescimento do carinho mútuo, ele vai crescendo e tomando forma, no ventre do coração, até que, finalmente ele nasce. Os namorados percebem que realmente se amam.

O amor é um filho do relacionamento do casal. Quando vem o casamento, esse garoto, o amor, costuma estar forte e sadio, mas é preciso lembrar que ele ainda é uma criança que precisa ser alimentada. Alimente o seu amor.

A Bíblia usa a seguinte analogia: da mesma forma que o corpo precisa de alimento para estar vivo, precisamos alimentar também o nosso espírito. Hoje quero estender essa analogia, dizendo que o amor é como uma criança que precisa ser bem cuidada e alimentada.

A) O AMOR PRECISA DE ALIMENTO DIÁRIO

Ao falar sobre alimento espiritual, a Bíblia fala de pão, água e leite. Jesus é o pão da vida. Ele não diz que é a lagosta da vida – muito bom, mas para raras ocasiões – Precisamos de Jesus todos os dias.

O amor, filho do relacionamento do casal, também precisa ser alimentado diariamente.

O pão representa a importância de alimentar o Amor todos os dias, para que ele cresça saudável. O pão e o leite simbolizam a importância das pequenas coisas na vida do casal: um abraço pela manhã, uma mensagem durante o dia, o carinho ao se encontrarem à noite, a intimidade do corpo e da alma, desenvolvida diariamente.

O amor está doente ou tem morrido em muitas relações pela falta de pão e leite.

ALIMENTEM O AMOR COM PÃO E LEITE. Ele precisa de alimento diário, expresso no carinho, no zelo, na maneira de tratar o outro. Construam uma relação de tal maneira que ao dormir vocês tenham a certeza de estar com o melhor amigo ou amiga.

B) O AMOR PRECISA DE ALIMENTOS ESPECIAIS

“Oh! Quão doces são as tuas palavras ao meu paladar, mais doces do que o mel à minha boca” (Sl 119:103).

O salmista compara a Palavra de Deus à alimentos deliciosos e especiais. Se o salmista fosse baiano, diria: Tuas Palavras são mais gostosas que uma moqueca de camarão.

O filho da relação de vocês, o AMOR, também precisa de alimentos especiais de vez quando. Isso simboliza para nós a importância de sair um pouco da rotina, fala de passeios, viagens, comemorações especiais, entre outras coisas.

Alimentem o amor assim, com alimentos especiais, com regularidade. Registrem esses momentos. No futuro, ao olhar as fotos do casamento, da lua de mel, das viagem , dos passeios divertidos ou de um jantares românticos, vocês vão poder dizer: “- Nosso relacionamento é mais gostoso que uma moqueca de camarão, é mais doce do que pudim.

C) O AMOR TAMBÉM PRECISA DE ALIMENTO SÓLIDO

A bíblia também fala a respeito de ALIMENTO SÓLIDO (Hb 5:14). “O alimento ´solido é para adultos. Quem deseja adquirir maturidade espiritual não podem ficar só com leite

Falamos que o amor é como uma criança, um filho do relacionamento, mas queremos que ele cresça e amadureça. O amor também precisa de alimento sólido.

Alimentar o amor com alimento sólido representa para nós a importância de alimentar o amor nas horas difíceis. Volta e meia a vida traz umas torrentes, como problemas no emprego, perda de alguém querido, doença, entre outros percalços. O apoio nas horas difíceis marca profundamente o relacionamento. Quando os cônjuges têm a segurança de que contam um com o outro em qualquer situação, temos um amor adulto, forte, maduro e saudável.

Sendo assim, deixo hoje essa palavra de estímulo e encorajamento para os casais: alimentem o seu amor. Se vocês alimentarem bem essa criança, com pão e leite todos os dias, com alimentos especiais regularmente e com alimento sólido nas horas que ele mais precisa, o amor crescerá saudável e se tornará um adulto forte e sadio. Ele será fundamental na criação dos outros filhos, agora de carne e osso, os quais conhecerão o AMOR e serão influenciados por ele. O amor, já adulto e fortalecido, inspirará familiares e amigos, fazendo da família de vocês uma benção na vida de muitos.

compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *